Projetos da MRS diminuem tempo de transporte em 10%

Redução não será integralmente revertida em ganhos

São Paulo – Em 2012, a MRS já conseguiu diminuir o tempo de transporte de cargas em 10%. O resultado, afirma Eduardo Parente, presidente da companhia, deve-se ao projeto de expansão tocado pela companhia. Entre as novidades, estão um centro de operações da MRS Logística, inaugurado em Juiz de Fora, o aperfeiçoamento do sistema tecnológico e a otimização do uso das vias. 

Segundo Parente, contudo, o ganho não será revertido integralmente no faturamento da companhia. Sem revelar expectativas concretas para o fim do ano, o executivo adianta que o plano de investimento da empresa não será integralmente cumprido: dos 1,6 bilhão de reais previstos para 2012, deverão ser utilizados 1,2 bilhão – mesma cifra do ano anterior. Parente atribui a diminuição do montante a atrasos no projeto e problemas na execucação de processos. 

A MRS Logística foi eleita a melhor do setor de logística na edição especial Melhores e Maiores de EXAME. No ano passado, a empresa somou lucro de cerca de 340 milhões de dólares e vendas de 1,5 bilhão, um aumento de quase 20% em relação ao ano anterior.