Plano para reestruturar Eletrobras considera venda de ativos

O plano para reestruturar o grupo, que ainda deve ser analisado pelo governo federal, menciona a possibilidade de alienar ativos de distribuidoras

Brasília – A proposta para reestruturação do Grupo Eletrobras formatada pela empresa contempla a possibilidade de “alienação de ativos” na área de distribuição, disse o diretor-financeiro, Armando Casado de Araújo, a jornalistas nesta terça-feira.

“A discussão está em torno das distribuidoras”, afirmou Casado, ao chegar ao Congresso Nacional para participar de audiência pública sobre mudanças na Conta de Desenvolvimento Energético.

Casado não deu um prazo para conclusão do plano que ainda tem que ser apreciado pelo governo federal, controlador da companhia.

A possibilidade de venda das distribuidoras do grupo já tinha sido noticiada pela Reuters no ano passado, segundo afirmaram fontes com conhecimento do tema.

As distribuidoras localizadas no norte do país acumulam prejuízos seguidamente e, de acordo com a própria Eletrobras, só deveriam ser rentáveis a partir de 2014.