Plano de investimento da Ultrapar para 2015 é de R$ 1,418 bi

Plano mostra continuidade de oportunidades para crescimento por escala e ganhos de produtividade, assim como modernização de operações existentes, diz empresa

São Paulo – O plano de investimentos da Ultrapar para o ano que vem, excluindo aquisições, totaliza R$ 1,418 bilhão.

Na Ipiranga, a empresa planeja investir um total de R$ 922 milhões, sendo R$ 357 milhões para manter o ritmo de expansão da sua rede de distribuição (por meio do embandeiramento de postos bandeira branca e abertura de novos postos) e de franquias am/pm e Jet Oil, com foco nas regiões Centro-Oeste, Nordeste e Norte e em novos centros de distribuição para atender as lojas de conveniência.

Os aportes na Ipiranga incluem ainda R$ 75 milhões na ampliação da sua infraestrutura logística para atender à demanda crescente, por meio principalmente da construção de bases de operação, e R$ 142 milhões em modernização, principalmente em bases logísticas e sistemas de informação.

Estão previstos também R$ 348 milhões na manutenção das atividades, principalmente na renovação de contratos de sua rede de distribuição e reforma de postos.

Do total dos investimentos orçados pela Ipiranga, R$ 920 milhões referem-se a imobilizações e adições ao intangível e R$ 2 milhões referem-se a financiamentos a clientes, líquidos de repagamentos.

A Oxiteno planeja investir R$ 121 milhões na manutenção de suas unidades produtivas e de sistemas de informação visando a maior produtividade.

A Ultracargo deverá investir R$ 49 milhões principalmente na modernização, adequação e manutenção da infraestrutura dos terminais existentes e na potencial expansão do terminal de Itaqui, que deverá entrar em operação em 2016.

Na Ultragaz, os aportes de R$ 187 milhões serão concentrados principalmente no UltraSystem (granel de pequeno porte), em função da perspectiva de captura de novos clientes, na construção, ampliação e manutenção de bases de engarrafamento, e na reposição e aquisição de vasilhames.

Na Extrafarma, serão investidos R$ 112 milhões, principalmente na aceleração de abertura de novas lojas e na manutenção de suas atividades.

Segundo a empresa, o plano de investimentos demonstra a “continuidade de boas oportunidades para crescimento por escala e ganhos de produtividade, assim como a modernização das operações existentes”.