Peugeot-Citroën troca de comando no Brasil

A idéia é dar mais fôlego à operação brasileira da montadora francesa

A subsidiária brasileira do grupo PSA Peugeot Citroën vai contar com um novo diretor-geral. O francês Vincent Rambaud, que atuava no braço de logística do grupo, substituirá Pierre-Michel Fauconnier, há 8 anos no cargo. A troca deverá ocorrer entre os meses de abril e maio.

A decisão partiu do novo presidente mundial da PSA, Christian Streiff, que assumiu o comando do grupo no último dia 6 de fevereiro. A idéia é dar ainda mais fôlego à operação brasileira, tida como estratégica para a montadora. Nos últimos dois anos, as vendas da PSA no Brasil registraram um crescimento médio de 20%, o maior do setor.

Aos 47 anos, Rambaud já atuou nos Ministérios da Defesa e da Indústria da França. Formado pela Escola Politécnica de Paris, ele iniciou sua carreira na PSA em 2002. Em 2005 foi nomeado diretor do braço de logística e transportes do grupo, a Gefco.