Petrobras planeja novo bônus denominado em dólares, diz IFR

É a primeira investida da companhia no mercado internacional de capitais desde o estouro da Operação Lava Jato

Nova York – A Petrobras planeja realizar uma emissão de bônus de 100 anos nesta segunda-feira, a primeira investida da companhia no mercado internacional de capitais desde o estouro da Operação Lava Jato, informou o IFR, serviço da Thomson Reuters.

A companhia fez estimativa inicial de preço na faixa dos 8,85 por cento para a emissão de bônus denominada em dólares, registrada na Securities and Exchange Commission dos Estados Unidos.

O Deutsche Bank e o JP Morgan são os coordenadores da transação, que deve ser precificada nesta segunda-feira.

O negócio é a primeira emissão de bônus em dólares da companhia desde março de 2014, segundo dados do IFR, quando ela fez uma emissão em seis tranches de 8,5 bilhões de dólares.