Petrobras e ExxonMobil fecham acordo para avaliar oportunidades

As empresas vão analisar as áreas de interesse conjunto em todos os setores da cadeia de valor da produção de petróleo e gás

A Petrobras e a petroleira norte-americana ExxonMobil assinaram hoje (14) um memorando de entendimento para uma aliança estratégica que vai identificar e avaliar potenciais oportunidades de negócios.

As empresas vão analisar as áreas de interesse conjunto em todos os setores da cadeia de valor da produção de petróleo e gás.

Também serão avaliadas possibilidades de cooperação em exploração, produção, gás e produtos químicos, dentro e fora do Brasil.

O documento foi assinado no Rio de Janeiro pelo presidente da Petrobras, Pedro Parente, pelo presidente da ExxonMobil Upstream Ventures, Brad Corson, e pelo presidente da ExxonMobil Exploration Company, Stephen Greenlee.

Em nota, a estatal brasileira avaliou que realizar alianças “é uma estratégia importante do Plano de Negócios e Gestão 2017-2021, que pode trazer benefícios significativos como o compartilhamento de riscos, o aumento da capacidade de investimentos na cadeia de óleo e gás, o intercâmbio tecnológico e o fortalecimento da governança corporativa”.

Para a Petrobras, o acordo reforça o relacionamento estratégico com a ExxonMobil e a “contínua ênfase no crescimento desta relação e de seus negócios no Brasil, fortalecendo sua presença de mais de 100 anos no país”.

Em setembro, a Petrobras e a ExxonMobil compraram conjuntamente seis blocos offshore na Bacia de Campos, na 14ª rodada de licitações da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

Participação na BSBios

Nesta quinta-feira, a Petrobras também informou que começou a etapa de divulgação ao mercado do processo de alienação de 100% da sua participação na empresa BSBios. Por meio de sua subsidiária Petrobras Biocombustíveis (PBIO), a estatal detém 50% do capital da empresa.

Maior produtora brasileira de biodiesel, a BSBios é dona de duas usinas do biocombustível, localizadas em Passo Fundo (RS) e Marialva.