Passivo da Abengoa pode superar 25 bilhões de euros

Abengoa, com cerca de 28.000 empregados em todo mundo, "do ponto de vista financeiro não houve uma direção muito acertada, se endividou muito"

O ministro da Indústria espanhol, José Manuel Soria, afirmou nesta sexta-feira que o passivo do grupo energético espanhol Abengoa, à beira da falência, é muito elevado e poderá superar os 25 bilhões de euros.

Abengoa, com cerca de 28.000 empregados em todo mundo, “do ponto de vista financeiro não houve uma direção muito acertada, se endividou muito”, declarou o ministro.

“O total do passivo pode estar acima dos 25 bilhões de euros”, assegurou.