OSX conta com aumento de capital para fechar contratos

Com fluxo de caixa, a empresa está disposta a investir na infraestrutura necessária para atender a demanda de petroleiras como a Petrobrás

Rio – A OSX, braço naval da EBX, conta com a operação de aumento de capital, exercida pelo acionista majoritário Eike Batista, no valor de US$ 500 milhões, para conseguir fechar novos contratos de integração e construção de embarcações. Com fluxo de caixa, a empresa está disposta a investir na infraestrutura necessária para atender a demanda de petroleiras como a Petrobrás.

“Entendemos que a Petrobras demandará cerca de cinco unidades nos próximos anos. A força de caixa é importante para seguir os negócios”, ressaltou o diretor Financeiro e de Relações com Investidores da empresa, João Borges Neto, durante apresentação da OSX na Associação dos Analistas e Profissionais de Investimento do Mercado de Capitais (Apimec), no Rio.

Além do dinheiro de Eike, a empresa conta com fontes de financiamento externas para dar conta dos contratos já fechados e outros aguardados. “Vemos o mercado de capitais muito forte e voltado para esse mercado (naval). Nosso plano de financiamento será o mercado de capitais internacional, bancos de fomento internacionais e bancos nacionais para fazer a ponte com o mercado local”, detalhou.

Antes mesmo da conclusão do estaleiro do Açu, no município fluminense de São João da Barra, a empresa trabalha para gerar recurso no curto prazo. Para isso, pretende atuar, neste primeiro momento, ainda em 2013, na montagem de módulos de embarcações, em vez da construção de navios e plataformas, o que exigiria mais infraestrutura. A conclusão do estaleiro UCN Açu, onde a OSX construirá as embarcações que forem contratadas, está prevista para 2014.