Onofre nega que esteja à venda

Companhia, no entanto, já foi procurada por mais de dez empresas nos últimos três anos

São Paulo – Os rumores de que a rede de drogarias Onofre estaria à venda foram negados pela companhia, nesta quinta-feira. Por meio de comunicado, a Onofre afirmou não existe nenhuma negociação em andamento.

“Estamos sendo vítimas de diversos boatos sem procedência alguma que visam justamente desvalorizar a nossa empresa. Esses boatos só beneficiam as empresas que abriram recentemente seu capital ou estão em vias de fazê-lo”, disse Marcos Arede, sócio e diretor comercial da rede.

Segundo ele, nos últimos três anos, a Onofre recebeu mais de 10 propostas de companhias interessadas, mas todas foram recusadas. “Não pensamos em nos afastar dos negócios até porque somos muito jovens e o mercado está em franca expansão no país”, afirmou Arede.

A rede conta atualmente com 39 unidades e emprega atualmente cerca de 2.000 funcionários.