Natura pode abrir até 30 lojas no Brasil

Segundo reportagem do Estadão, companhia se prepara para crescer neste ano por meio de lojas físicas e e-commerce

São Paulo – A Natura planeja diversificar seu modelo de negócio no país e, para isso, pode abrir até 30 lojas físicas em diferentes cidades do território brasileiro. As informações são do jornal o Estado de S. Paulo, desta segunda-feira.

De acordo com a reportagem, durante 2012, a Natura testou o modelo de negócio por meio de uma loja conceito na famosa Rua Oscar Freire, em São Paulo. “Não faremos uma rede grande, talvez 20 ou 30 lojas”, afirmou Alessandro Carlucci, presidente da companhia, ao Estadão.

Outra aposta da Natura será a venda online e para conquistar consumidores por meio desse canal, a Natura espera contar também com a ajuda de suas consultoras.

Segundo o Estadão, cerca de 6.000 revendedoras já estão ajudando a empresa a construir a plataforma, na qual cada uma dela terá um site personalizado para promover os produtos da companhia.

Recentemente, em teleconferência com a imprensa, a companhia havia negado a intenção de expandir sua atuação no país por meio de lojas físicas. Na ocasião, Carlucci afirmou da intenção para crescer no mercado externo, mas descartou a opção para o Brasil.

“A abertura de lojas ou lojas conceitos em outros países pode ser uma estratégia adotada para crescermos no exterior. No Brasil, nós não temos essa pretensão, por aqui vamos continuar atuando em vendas diretas”, afirmou o executivo, recentemente.

Em 2012, a companhia somou lucro de 861,2 milhões de reais, 3,7% maior na comparação com o ano anterior. A receita da companhia cresceu 13,5%, totalizando 6,34 bilhões de reais, e o Ebtida (lucro antes dos juros, impostos, depreciação e amortização) subiu 6%, somando 1,5 bilhão de reais.