Naspers quer expansão de Showmax para competir com Netflix

A NAspers, a maior empresa da África em valor de mercado, está planejando expandir sua empresa de streaming de vídeo que concorre com a Netflix

Naspers Ltd., a maior empresa da África em valor de mercado, está planejando expandir sua empresa de streaming de vídeo que concorre com a Netflix Inc. em três novos continentes no ano que vem depois que a Samsung Electronics Co. concordou em incluir esse serviço em seus televisores inteligentes, de acordo com uma fonte familiarizado com o assunto.

A empresa terá como alvo mais de 15 milhões de clientes fora do mercado interno da África do Sul, fornecendo conteúdo em toda a Europa, América do Norte e Australásia, disse a fonte, que pediu para não ser identificada porque os planos são privados.

O serviço, chamado Showmax, fornecerá conteúdo afrikaan nos mercados internacionais no próximo mês e programas da África ocidental no ano que vem, de acordo com a fonte.

O CEO da Naspers, Bob van Dijk, está supervisionando a expansão da Showmax em toda a África e fora do continente enquanto a Netflix tem como meta chegar a 200 países no ano que vem.

A passagem para transmissão on-line é a mais recente evolução de uma empresa sul africana que começou editando jornais e agora investe em startups de mercados emergentes incluindo Tencent Holdings Ltd. e Ibibo da Índia.

Nenhum representante da Showmax quis comentar. Por e-mail representantes da Samsung se recusaram a comentar.

As ações da Naspers valorizaram 1,6 por cento chegando ao ponto mais alto já registrado e foram negociadas 1,4 por cento mais alto, a 2,230 rands a partir das 12h56 em Johanesburgo.

A Showmax assinou parcerias de distribuição na África do Sul com a Samsung e a Telkom SA SOC Ltd., a maior operadora de telefonia fixa do país, de acordo com a fonte.

A empresa também está em negociações de parceria com o Vodacom Group Ltd., a unidade sul-africana do Vodafone Group Plc, e está explorando a possibilidade de uma maior expansão na África subsaariana, disse a fonte.

A Naspers, que tem um valor de mercado de US$ 65 bilhões e é a maior fornecedora de televisão por assinatura da África, está competindo com os serviços de vídeo on-demand da NuVu da Ericsson AB e da OnTAPTV da PCCW Ltd. no continente, além da Netflix.

Serviços de streaming voltaram-se para a África agora que as redes sem fio se generalizam e ficam mais confiáveis, permitindo a transmissão de vídeo em uma região onde os telefones fixos são escassos.