MPX firma contrato para venda de energia com a MMX

Mineradora deverá pagar R$ 102/MWh durante quatro anos

São Paulo – A MPX Energia, empresa do grupo EBX de Eike Batista, firmou um acordo com a MMX Mineração e Metálicos, do mesmo grupo, para o fornecimento de energia para a Unidade Serra Azul. Segundo comunicado enviado nesta quinta-feira à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), a mineradora deverá pagar 102 reais por megawatt-hora (MWh).

O acordo veio como um aditivo ao contrato, assinado pelas empresas em setembro 2011, de compra e venda de energia elétrica. Ele estará vigente entre janeiro de 2014 a dezembro de 2018.

Segundo a nota, o fornecimento inicial de energia permitirá a MPX buscar novas oportunidades comerciais para a energia adicional que pode ser gerada pela termoelétrica Parnaíba – Fase II. Isto está de acordo com a estratégia em curso de capturar oportunidades no mercado e usar o seu braço de comercialização de energia para maximizar o valor de seus ativos.

Os termos do contrato original de fornecimento de energia de janeiro de 2019 até maio de 2029 permanecem inalterados. A termoelétrica da MPX continuará a fornecer 200 MW médios, ao preço-base de 125 reais por MWh.