MPX confirma compromisso de tornar térmica bicombustível

Medida será tomada, se necessário, porque a MPX ainda não conseguiu comprovar reservas de gás suficientes para suprir a unidade integralmente no período contratado

Rio de Janeiro – A MPX Energia confirmou que assumiu compromisso com as autoridades federais para tornar a usina termelétrica Nova Venécia bicombustível, se necessário, por não ter conseguido ainda comprovar reservas de gás natural suficientes para suprir a unidade integralmente pelo período contratado.

O comunicado enviado nesta quarta-feira à Comissão de Valores Mobiliários foi motivado por reportagem da Reuters sobre o assunto.