Mercedes-Benz lança pedra fundamental de fábrica em SP

Serão investidos mais de R$ 500 milhões na unidade em Iracemópolis para produzir, a partir de 2016, o sedã Classe C e o utilitário-esportivo GLA

Iracemápolis – Em meio à retração de vendas no setor automotivo, a Mercedes-Benz do Brasil lança nesta quinta-feira, 05, em Iracemápolis (SP), a pedra fundamental que marca o início da construção de sua fábrica de automóveis no Brasil.

Serão investidos mais de R$ 500 milhões na unidade para produzir, a partir de 2016, o sedã Classe C e o utilitário-esportivo GLA. Além de executivos da empresa e políticos, o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), participa do evento.

A inauguração da unidade, no próximo ano, está prevista para coincidir com as comemorações dos 60 anos de atividades no País da Mercedes-Benz.

“Acreditamos no potencial de crescimento do mercado brasileiro. A planta de Iracemápolis demonstra a nossa confiança no País”, Philipp Schiemer, presidente da Mercedes-Benz do Brasil e CEO da companhia na América Latina.

Segundo a companhia, a fábrica no interior paulista faz parte da estratégia da Mercedes-Benz de tornar-se líder mundial de vendas de automóveis premium até 2020.

Além disso, o segmento duplicou o volume de vendas no País entre 2010 e 2014 e a expectativa é de uma demanda duas vezes maior até 2020, segundo Dimitris Psillakis, diretor-geral de automóveis da Mercedes-Benz do Brasil.

No ano passado, a Mercedes-Benz bateu recorde de vendas de automóveis no País com 11.912 unidades emplacadas, volume 25% maior do que o registrado em 2013. A marca ampliou ainda de 27 para 45 o número de revendas entre 2010 e 2014.