MAN cortará 1.800 empregos em unidade de caminhões

Segundo fontes, demissões vão afetar 1.400 funcionários administrativos e 400 pessoas na produção

Munique/Berlim – A alemã MAN SE planeja cortar cerca de 1.800 empregos em sua principal divisão de caminhões, conforme a subsidiária da Volkswagen enxuta as operações para reduzir custos e ressuscitar os lucros, disseram nesta quarta-feira duas pessoas familiarizadas com o assunto.

As demissões vão afetar 1.400 funcionários administrativos e 400 pessoas na produção, segundo as fontes.

A MAN Truck & Bus emprega cerca de 33.500 pessoas no mundo, incluindo 15.200 na Alemanha.

A MAN não quis comentar.