Lucro líquido do JPMorgan sobe 12,5% no segundo trimestre

Com alto lucro, ações subiram 1,72% no pré-mercado em Nova York

Nova York – O lucro líquido do JPMorgan subiu 12,5% no segundo trimestre deste ano, para US$ 5,4 bilhões, ou US$ 1,27 por ação, de um lucro de US$ 4,8 bilhões, ou US$ 1,09 por ação, no mesmo período do ano passado. Às 8h45 (de Brasília), as ações do banco subiam 1,72% no pré-mercado em Nova York.

Segundo a instituição, o lucro da unidade de banco de investimentos subiu 49%, enquanto o de serviços financeiros de varejo caiu 44%.

As provisões para perdas com crédito totalizaram US$ 1,81 bilhão no segundo trimestre, uma queda de 46% em comparação com os US$ 3,36 bilhões no mesmo período do ano passado.

Muitos bancos registraram aumento dos seus lucros devido à redução das provisões para perdas com crédito, já que as condições de crédito melhoraram.

A receita do JPMorgan, em base administrada, subiu 7%, para US$ 27,41 bilhões.

Os analistas entrevistados pela Thomson Reuters tinham previsto um lucro por ação de US$ 1,21 e uma receita de US$ 25,13 bilhões. As informações são da Dow Jones.