Lucro líquido da Marisa sobe 47,7% em 2010

Ganhos da varejista somaram 208,7 milhões e foram impulsionados pela expansão da rede e pela classe C

São Paulo – A Marisa, maior varejista brasileira especializada em moda feminina e íntima, apresentou lucro de 208,7 milhões de reais em 2010, quantia 47,7% superior na comparação com  2009, quando a rede teve lucro de 141,3 milhões de reais. O resultado positivo é reflexo da expansão do número de lojas, que cresceu mais de 20% o ano passado. A Marisa fechou 2010 com 277 lojas em operação.

Para este ano, 33 lojas já foram contratadas para dar continuidade ao plano de crescimento da rede. “Em 2010, refinamos o planejamento comercial, regionalizamos o mix de produtos e melhoramos nosso sortimento”, afirmou Marcio Goldfarb, presidente da rede, em comunicado divulgado na última segunda-feira (14/2) ao mercado.
 
Segundo o executivo, a melhora da economia, especialmente para a classe C, também refletiu de maneira positiva nos resultados do companhia. “Nossa estratégia é focar nossos esforços para acompanhar a evolução da mulher da classe C”, disse.
 
Cartões
 
Em 2010, a rede atingiu a marca de 11,2 milhões de contas de cartão private label ativas, alta de quase 15% na comparação com 2009. Em relação ao cartão co-branded, a rede encerrou o ano com quase 1 milhão de contas ativas. Os cartões Marisa foram responsáveis por 50% do total das vendas da companhia no ano.
 
De acordo com a  Revista Exame, a  ação da Marisa foi a terceira mais valorizada do setor de varejo no ano de 2010. Já o IPO foi o sexto melhor da década.