Lucro da BRF soma R$ 877 milhões no 3º tri, alta de 53,3%

A receita líquida da empresa no trimestre avançou 14,4% para R$ 8,281 bilhões, impulsionada, segundo a empresa, pelo preço médio em reais 18,4%

São Paulo – A empresa de alimentos BRF encerrou o terceiro trimestre de 2015 com lucro líquido de R$ 877 milhões, o que representa um crescimento de 53,3% ante o registrado no mesmo período do ano passado.

O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) consolidado totalizou R$ 1,522 bilhão entre julho e setembro, montante 34,8% superior ao registrado um ano antes. A margem Ebitda subiu 2,8 pontos porcentuais na mesma base de comparação para 18,4%.

A receita líquida da empresa no trimestre avançou 14,4% para R$ 8,281 bilhões, impulsionada, segundo a empresa, pelo preço médio em reais 18,4% mais alto, apesar da queda de 3,4% em volumes no período.

O resultado financeiro negativo aumentou para R$ 525 milhões no terceiro trimestre de 2015, ante resultado negativo de R$ 200 milhões apurado no mesmo intervalo de 2014, devido à variação cambial sobre empréstimos e financiamentos.

Na demonstração de resultados, o CEO Global da companhia, Pedro Faria, avalia que a expansão internacional da BRF, intensificada no último trimestre, impulsionou os resultados da empresa no período.