Lucro da Potash cai com fracas vendas externas

Ganho da empresa caiu para US$ 645 milhões, ou US$ 0,74 por ação, ante US$ 826 milhões, ou US$ 0,94 por ação, de um ano atrás

Winnipeg – O lucro líquido da Potash Corp of Saskatchewan caiu no terceiro trimestre, ficando pouco abaixo das estimativas de analistas, com as vendas do nutriente potássio em queda para a China e Índia, disse a companhia.

O lucro líquido da Potash Corp caiu para 645 milhões de dólares, ou 74 centavos por ação, ante 826 milhões de dólares, ou 94 centavos por ação, de um ano atrás.

Analistas esperavam ganhos de 75 centavos por ação, de acordo a Thomson Reuters I/B/E/S.

A receita caiu no trimestre em quase 8 por cento, para 2,14 bilhões de dólares.

Mercado externo

A maior produtora de fertilizante do mundo disse que os embarques externos de potássio por produtores norte-americanos caíram um quarto, para 1,9 milhão de toneladas no período.

A China respondeu por apenas 12 por cento das vendas e a Índia, cinco por cento.

“A fraqueza obviamente está na China e na Índia, mas isso não deve ser surpresa para ninguém”, disse o analista Spencer Churchill, da Paradigm Capital.

A Potash Corp, Agrium Inc e a Mosaic Co conduzem suas vendas externas através de suas minas no Oeste Canadá pela agência de comercialização Canpotex.

Analistas esperavam que a Canpotex renovasse os contratos de fornecimento com a China e a Índia, os dois maiores consumidores de potássio do mundo, mas agora dizem que isso deve acontecer no final de 2013 ou no início de 2013.


A Potash Corp estima os embarques globais de potássio entre 50 milhões a 52 milhões de toneladas em 2012, ante sua projeção prévia de 53 milhões de toneladas.

As vendas totais da companhia somaram 2,1 milhões de toneladas de potássio no quarto trimestre, queda de 4,5 por cento ante um ano anterior.

A companhia disse, entretanto, que espera uma demanda maior por potássio na América do Norte no quarto trimestre em relação a igual período do ano passado.