Lucro da Avianca sobe para US$75,3 mi no 1º trimestre

Compania viu seu lucro mais que dobrar com crescimento no tráfego de passageiros e uma melhora na produtividade

Bogotá – A Avianca Holdings, uma das maiores empresas aéreas da América Latina, viu seu lucro líquido mais que dobrar no primeiro trimestre na comparação com o mesmo período de 2012, com crescimento no tráfego de passageiros e uma melhora na produtividade.

A holding, formada pela Avianca e pela Taca, teve lucro de 75,3 milhões de dólares, ante 34,8 milhões de dólares entre janeiro e março de 2012. A receita operacional subiu a 1,118 bilhão de dólares, 6 por cento acima do obtido no mesmo período de 2012.

O Ebitdar (lucro antes de juros, impostos, depreciação, amortização e aluguel de aeronaves) foi de 205,2 milhões de dólares, um aumento de 14,3 por cento ante o primeiro trimestre de 2012.

A Avianca Holdings, que tem sede em Bogotá e opera sob a marca AviancaTaca, registrou um crescimento de 10,7 por cento no tráfego de passageiros no primeiro trimestre, a 5,99 milhões, impulsionado pelo bom desempenho das operações domésticas na Colômbia, Peru e Equador.

A Avianca, do empresário brasileiro Germán Efromovich, e a Taca, da família Kriete de El Salvador, formam um conglomerado que opera mais de 150 aeronaves e voa a mais de 100 destinos em 25 países.