Lojas Americanas tem prejuízo de R$ 70,6 milhões no 3º trimestre

A receita líquida consolidada da Lojas Americanas foi de R$ 3,966 bilhões no terceiro trimestre

São Paulo – A Lojas Americanas reportou prejuízo líquido consolidado de R$ 70,6 milhões no terceiro trimestre de 2016, revertendo o lucro de R$ 6,5 milhões do mesmo período de 2015.

No acumulado dos nove meses de 2016 até setembro, a varejista reportou prejuízo de R$ 43,9 milhões ante um lucro de R$ 46 milhões nos mesmos meses de 2015.

O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) consolidado ajustado da companhia de varejo atingiu R$ 594,5 milhões entre julho e setembro, elevação de 11,5% ante o reportado pela companhia nos mesmos meses do ano passado, com margem de 15%, expansão de 1,8 ponto porcentual.

O ajuste no Ebitda é feito pelas linhas de outras receitas e despesas operacionais, equivalência patrimonial e participação minoritária.

A receita líquida consolidada da Lojas Americanas foi de R$ 3,966 bilhões no terceiro trimestre, queda de 1,7% na comparação anual. Em nove meses, a receita atinge R$ 11,842 bilhões, recuo de 2,2%.

A Lojas Americanas divulga ainda os resultados na visão da controladora, que leva em conta as operações de varejo físico e considera os números da subsidiária de comércio eletrônico B2W na linha de equivalência patrimonial.

O Ebitda ajustado da controladora cresceu 11,2% na comparação anual, para R$ 452,7 milhões. A receita líquida da controladora atingiu R$ 2,254 bilhões entre julho e setembro, alta de 4,1% frente ao terceiro trimestre do ano passado.