Light avalia oferta pública primária de ações

Recursos captados seriam destinados a pagamento de dívidas

São Paulo — A elétrica Light, controlada pela estatal mineira Cemig, informou nesta sexta-feira que considera realizar uma oferta pública primária de ações, com esforços de distribuição no Brasil e no exterior.

Os recursos captados seriam destinados a pagamento de dívidas, de acordo com fato relevante.

Veja também

Segundo a Light, a operação poderá contar ainda com uma parcela secundária de acionistas da companhia.

A empresa acrescentou que a operação está sujeita às condições do mercado de capitais brasileiro e internacional e às aprovações societárias da companhia e de acionistas vendedores.