Labtest investe em analisadores automáticos para bioquímica

Com tecnologia repassada por parceiros italianos e japoneses, a Labtest Diagnóstica, de Lagoa Santa-MG, criou uma nova unidade de negócios, o Núcleo de Automação Labtest, e está investindo R$ 3,5 milhões para colocar no mercado uma linha de analisadores automáticos para bioquímica.

A Labtest é o fabricante nacional líder no segmento de reagentes bioquímicos para diagnóstico “in vitro”, e uma das mais de 60 empresas de biotecnologia de Minas Gerais.

A Labtest está entrando em um novo segmento do mercado, depois de três décadas de atuação, para aproveitar melhor as demandas de seus mais de 6 mil clientes em oito países da América Latina.

A empresa se consolidou no mercado como fornecedora de reagentes para análises laboratoriais na área de química clínica (inclui exames como glicose, colesterol e ácido úrico, entre outros) e, agora, com a nova unidade de negócios, passa a oferecer uma solução mais completa aos clientes.

Até o final do ano, as primeiras 40 máquinas, que custam entre 70 mil e 140 mil reais, serão colocadas no mercado brasileiro, que tem cerca de 14 mil laboratórios. A expectativa é que, em 2003, o Núcleo de Automação seja responsável por um aumento de 30% no faturamento da empresa, de 16 milhões de reais em 2001.