Kraft Heinz fechará sete unidades e demitirá 2.600

O gigante da alimentação é controlado pelo fundo de investimentos brasileiro 3G Capital, conhecido por sua política radical de redução de custos

Kraft Heinz anunciou nesta quarta-feira que fechará sete fábricas na América do Norte, eliminando 2.600 empregos ou quase 6% de seu pessoal.

“Nossa decisão de consolidar a produção na rede da Kraft Heinz Norte América é uma etapa fundamental no plano para eliminar o excesso de capacidade e reduzir as redundâncias operacionais na nova companhia combinada”, disse Michael Mullen, vice-presidente da empresa.

Estas demissões se somam a outras 2.500 anunciadas em agosto passado. O gigante da alimentação é controlado pelo fundo de investimentos brasileiro 3G Capital, conhecido por sua política radical de redução de custos.

As unidades que serão fechadas estão nos estados de Califórnia, Maryland, Nova York e na província canadense de Ontário.