Kodak coloca negócio de compartilhamento de fotos online à venda

Segundo WSJ, companhia está tentando levantar recursos para continuar operando no mercado

São Paulo – A Kodak está disposta a se desfazer de seu negócio de compartilhamento de fotos online, a Kodak Gallery, para continuar operando no mercado, segundo publicou o Wall Street Journal (WSJ), nesta sexta-feira.

No último trimestre, a companhia já havia alertado que poderia ficar sem dinheiro em caixa nos próximos meses e a saída seria levantar fundos com novos credores ou vender alguns ativos.

Ainda de acordo com o WSJ, existem muitos interessados em comprar a Kodak Gallery. Entre eles, concorrentes da própria companhia neste mercado e fundos de private equity.

A Kodak atua neste mercado desde 2001, embora ele nunca tenha gerado nenhum lucro à companhia, em seu auge, chegou a somar receita de superior a 150 milhões de dólares. Atualmente, conta com cerca de 75 milhões de membros em todo o mundo

Segundo dados de uma consultoria americana, esse mercado deve movimentar 1,5 bilhão de dólares neste ano, nos Estados Unidos. O montante 15% superior ao registrado no ano passado

Procurada, a companhia se recusou a comentar o assunto.