Empresário cria primeiro colchão fisiológico do mundo que cura dores nas costas e problemas de coluna e salva clientes de cirurgia e vida na cadeira de rodas

É quase certo afirmar que a maioria das pessoas já sentiram dores na lombar no final de um dia cansativo ou, até mesmo, dores na cervical. 

Para os poucos que nunca tiveram este desconforto, o Parabéns seria a palavra certa a ser usada, já que apenas 20% das pessoas não têm qualquer tipo de dor nas costas.

Segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde), mais de 80% da população mundial sofre com dores na lombar. A lombalgia é tão problemática que é o problema que causa o maior número de afastamento do trabalho aqui no Brasil. 

O caso do Giovani Storino, representante comercial de 29 anos, é mais extremo em relação a outras pessoas e mostra que nem todas as dores têm o mesmo significado.

“Desde que era mais novo eu sentia dores nas costa e elas nunca passavam”, conta ele. Giovani procurava médicos e sempre lhe davam diagnósticos simples. 

“Eu procurei ajuda médica diversas vezes quando jovem, sempre me falavam que eu tinha músculo inflamado ou que era estresse acumulado do trabalho. Eram as mesmas desculpas e nem as sessões de fisioterapia que fiz na época me ajudaram”.

Se as dores nas costas já eram ruins, o desespero de Giovani aumentou quando certo dia a sua perna direita paralisou completamente. 

“Você não consegue imaginar a mistura de susto com medo que fiquei quando minha perna travou! Ela travou… por algum motivo eu não conseguia movê-la de jeito nenhum”, relata Giovani. 

Ele conta que rapidamente fez uma ressonância magnética e descobriu o que estava acontecendo. Não era apenas um único problema. Ele tinha seis tipos de patologias diferentes na coluna. 

A mais grave, que causou a paralisia da sua perna, era uma Estenose de Canal. Um problema causado pela degeneração da coluna vertebral, causando o estreitamento do canal por onde passam os nervos da coluna espinhal, o que provoca dores intensas e, como neste caso, a paralisia da perna. 

Giovani continua dizendo: “Pra você ter uma ideia, era para existir um espaçamento de 2cm entre o disco e a vértebra para não ter problemas na minha coluna. Com a estenose de canal, esse espaço diminuiu para apenas 0.7cm. Esse estreitamento atacou meu nervo ciático e paralisou minha perna”. 

O medo do Giovani aumentou quando ouviu as palavras do seu médico dizendo que a única solução para a sua estenose de canal era um delicado procedimento cirúrgico com recuperação demorada. “Eu fiquei furioso quando o médico me disse que eu voltaria para a casa na cadeira de rodas”. 

Ante de decidir ir para a mesa de cirurgia Giovani procurou tratamentos alternativos recomendados para quem tem dores na coluna, como fisioterapia, acupuntura, pilates e até RPG. Segundo ele, seu gasto mensal com tratamentos era em média R$1.300,00 mensais, o que equivale a mais de R$ 15.000 ao ano, além do fato de ter alterado toda sua rotina para cuidar da sua coluna. Infelizmente os tratamentos não surtiram efeito e a realidade de uma cirurgia e cadeira de rodas estava cada vez mais próxima. 

Perto de tomar a decisão para o procedimento cirúrgico, ele descobriu um novo tipo de colchão chamado Physio Mattress que, curiosamente, ainda não conhecia, mas que lhe oferecia uma garantia incondicional de alívio das dores em até 100 dias ou seu dinheiro de volta. 

Os resultados que conseguiu foram impressionantes, ele conta: “O colchão foi incrível. Eu quase não acreditei quando minhas dores nas costas sumiram. Não tenho mais”. 

O que eram noites de sono de apenas duas a três horas, tornaram-se noites reparadoras de descanso de 8 horas. A melhor parte, segundo o Giovani, foi ter a comprovação médica da sua melhora com uma nova ressonância magnética.

O novo exame mostrou apenas 4 patologias na coluna, das 6 existentes anteriormente. A estenose de canal, que quase o levou a cirurgia, havia desaparecido junto com as dores mais fortes que dificultavam até mesmo os movimentos mais simples como o de amarrar sapato.

O novo modelo de colchão encontrado pelo Giovani foi apresentado por Murillo Neponuceno, fundador da Eu 100 Dor, empresa criada com o foco de ajudar pessoas que sofrem com dores nas costas e problemas de coluna a eliminarem ou diminuirem o enorme desconforto que sentem diariamente, em menos de cem dias. 

Eliminar dores nas costas é apenas uma etapa que a sua empresa realiza, “O que fazemos é devolver a liberdade para a vida dessas pessoas. Muitos deixaram de praticar esportes, pais e mães que não conseguem mais brincar com seus filhos ou simplesmente dormir e acordar dispostos para ir trabalhar sem dores. Movimentos simples que se tornaram uma tortura e fonte de dores intensas e contínuas. Nosso método proporciona uma sobrevida para as pessoas com problemas de coluna e também uma considerável economia financeira ao bolso. Além dos enormes gastos que o Giovani tinha, tenho também outros exemplos de clientes que chegavam a gastar mais de R$30.000 por ano (R$ 2.500,00 ao mês) e não tinha nenhum resultado significativo, até que se livrou desses gastos e conseguiu os resultados que desejava com o auxílio do Physio Mattress.”

O colchão fisiológico Physio Mattress, já ajudou mais de 1.000 (mil) pessoas a eliminarem definitivamente as dores nas costas e aliviar problemas de coluna e Murillo afirma que o seu produto mostra resultados significativos em apenas algumas semanas. Ele promete eliminar ou diminuir drasticamente as dores nas costas dentro de 100 (cem) dias, mas muito de seus clientes relataram grande melhora das dores já nas primeiras semanas de tratamento.

O empresário conta que o colchão Physio Mattress também é extremamente importante para quem ainda não tem dores nas costas e afirma que essa é única maneira de se prevenir e, consequentemente, não desenvolver problemas de coluna como hérnia de disco, nervo ciático, bico de papagaio, escoliose, lordose, etc. 

Como empresário, Murillo está fazendo ações para divulgar esse novo método de fabricar colchões: “Eu quero que as pessoas entendam que os tratamentos alternativos como pilates, RPG e fisioterapia apenas remediam os sintomas, as dores. É preciso tratar a raiz do problema que gera essas dores e é exatamente isso o que fazemos com o Physio Mattress. Focamos na raíz do problema, assim as dores somem em questão de dias, deixando a coluna cada dia mais alinhada e saudável”.

Para divulgar como o colchão fisiológico eliminar as dores nas costas em até 100 (cem) dias, sem tratamentos alternativos e sem remédios, o Murillo gravou uma apresentação onde explica em detalhes como desenvolveu o método de fabricação e como ele o Physio Mattress vem ajudando os mais de mil clientes que já fazem uso do mesmo.

Seu objetivo é espalhar o conhecimento do que realmente é necessário fazer para eliminar as dores de coluna e até fugir da mesa de cirurgia em casos mais graves, como o do Giovani.

Para aqueles que fazem parte dos 80% da população que sofrem de dores nas costas ou desejam prevenir para que problemas como este não apareçam em suas vidas, a esclarecedora apresentação gratuita do Murillo oferece todos os detalhes de como eliminar dores nas costas sem tratamentos alternativos e sem o uso frequente de remédios em menos de 100 dias apenas dormindo sobre o Physio Mattress.

Apresentação: www.eu100dor.com.br