J&F, controladora do JBS, busca mais aquisições no setor bancário

Holding anunciou hoje a compra do banco Matone

São Paulo – A controladora do JBS, J&F, anunciou hoje a aquisição do banco Matone – e não pretende parar por aí. A empresa segue de olho em novas aquisições, segundo Joesley Batista, que deixou o comando do frigorífico JBS para se tornar o presidente da holding J&F.

O JBS já controla o Banco JBS – focado no financiamento a pecuaristas. A idéia é fundir os dois bancos, dando origem a uma instituição com carteira de crédito de 3 bilhões de reais e patrimônio de cerca de 500 milhões de reais. Ao fim do processo, os Batistas ficarão com o controle, e a família Matone deve sair do negócio.

A aquisição melhora a musculatura do banco JBS, segundo o analista Cauê de Campos Pinheiro, da corretora SLW. “É mais uma forma de diversificação para a empresa, que era mais concentrada em carnes”, disse o analista.

Com informações da Bloomberg.