Itaúsa fecha 2º trimestre com lucro 51% maior de R$1,794 bi

Já o lucro líquido recorrente da controladora atingiu no semestre R$ 3,367 bilhões, aumento de 24%

São Paulo – A Itaúsa (Investimentos Itaú S.A.), que controla Itaú Unibanco Holding, Duratex, Itautec e Elekeiroz, registrou no segundo trimestre lucro líquido consolidado gerencial de R$ 1,794 bilhão, 51,5% maior que o de R$ 1,184 bilhão no mesmo período do ano passado.

No semestre, o resultado foi 39,7% maior, para R$ 3,578 bilhões, no mesmo critério.

Já o lucro líquido recorrente da controladora atingiu no semestre R$ 3,367 bilhões, aumento de 24% sobre os R$ 2,708 bilhões do primeiro semestre de 2013. Ainda de janeiro a junho, os ativos totais somam R$ 44,401 bilhões, alta de 12,8% ante mesmo período do ano anterior.

O patrimônio líquido aumentou para R$ 38,493 bilhões, de R$ 34 bilhões no primeiro semestre de 2013. O retorno sobre patrimônio líquido médio (ROE) ficou em 19,3% no semestre, maior que o de 15,5% em igual intervalo de 2013.

As receitas operacionais consolidadas alcançaram R$ 5,811 bilhões, 19% acima do intervalo de janeiro a junho de 2013.

No semestre, o resultado de equivalência patrimonial recorrente alcançou R$ 3,511 bilhões, 28,0% acima do mesmo período do ano anterior, impulsionado pela área de serviços financeiros, conforme o relatório da administração da holding sobre o demonstrativo financeiro do período.

No segundo trimestre de 2014 o resultado de equivalência patrimonial recorrente ficou em R$ 1,781 bilhão, 29,4% maior que no mesmo trimestre de 2013.

A Itaúsa explica que no primeiro semestre reconheceu o saldo acumulado do resultado não realizado decorrente de operações de venda realizadas pela Itautec para empresas do Conglomerado Itaúsa, no montante de R$ 100 milhões, uma vez que o controle dos negócios de automação bancária, automação comercial e de prestação de serviços passou para a OKI Electric.