Honda faz recall de 700 mil veículos, entre eles o Fit

Revisão afeta 121 mil carros na América do Norte, 156 mil na China, 167 mil no Japão, 232 mil no resto da Ásia e na Oceania e 6 mil na América do Sul

Tóquio – A japonesa Honda fará um recall de quase 700 mil veículos dos seus modelos Fit, City e Freed no mundo todo, exceto Europa, por um defeito em uma válvula que pode causar a parada do motor.

Uma porta-voz da Honda precisou à Agência Efe que o recall para revisão afeta 121 mil veículos na América do Norte, 156 mil na China, 167 mil no Japão e 232 mil no resto da Ásia e Oceania.

Também atinge cerca de 6 mil veículos na América do Sul e um “mínimo” de unidades no Oriente Médio e África.

O problema nos modelos Fit, City e Freed se refere a uma válvula que exerce uma pressão inadequada dentro do motor e que poderia resultar na parada do motor ou impedir que ele arranque, além de causar um barulho incomum, segundo a empresa.

A Honda informou que até o momento não foi registrado nenhum acidente por causa do defeito.

O modelo Fit da Honda, conhecido como Jazz em alguns países da Europa, é um popular compacto que dispõe também de uma versão híbrida e que em janeiro alcançou o número um de vendas no Japão, desbancando o Prius da Toyota.

Em outubro do ano passado, o fabricante japonês já fez um recall de mais de 126 mil unidades do City e do Fit no Brasil por possíveis problemas em seu sistema de aceleração.