Haco espera vender 20% mais etiquetas com a Copa

A Haco Etiquetas, de Blumenau, é a empresa responsável pela confecção dos distintivos e etiquetas das camisas oficiais da seleção brasileira para a Copa do Mundo deste ano. A empresa está produzindo também as flâmulas do Brasil que serão trocadas com as equipes adversárias no início de cada partida, além dos distintivos da seleção da Nigéria e das etiquetas termo-colantes dos uniformes da Fifa durante a competição.

Segundo o gerente nacional de vendas da Haco, André Ern, os negócios da Copa devem contribuir para atingir a meta de crescimento de 20% no faturamento em 2002. No ano passado, a empresa faturou R$ 78 milhões. A Haco detém 70% do mercado brasileiro de etiquetas tecidas.