Grupo SEB espera janela para IPO, diz Chaim Zaher

Um IPO seria o caminho "se vier alguma coisa muito grande, para ampliar nosso nível de internacionalização", segundo Zaher

São Paulo – O grupo SEB, de educação, considera a possibilidade de abrir capital, segundo afirmou seu presidente, o empresário Chaim Zaher.

Ele declarou, porém, que uma oferta inicial de ações (IPO, na sigla em inglês) só faria sentido no caso de a companhia se deparar com a possibilidade de uma aquisição de grande porte.

Um IPO, disse, seria o caminho “se vier alguma coisa muito grande, para ampliar nosso nível de internacionalização”, comentou.

O empresário destacou que as aquisições até aqui foram feitas com recursos próprios do grupo, mas destacou que poderia haver a necessidade de captação no mercado para aquisições grandes.

O SEB anunciou nesta segunda-feira, 13, a aquisição das operações do Brasil e América do Sul da canadense Mapple Bear. O grupo deterá 95% do negócio regional enquanto a companhia global fica com 5%.

Com a transação, o SEB espera atingir R$ 760 milhões em faturamento em 2017. São 275 escolas ligadas ao grupo entre unidades próprias, parceiros dos sistemas de ensino e as 85 franquias do Mapple Bear.

O grupo tem um plano de investir R$ 400 milhões entre 2016 e 2018.