Grupo de luxo Hermès registra recorde de vendas em 2016

A fabricante de lenços de seda e da famosa bolsa Birkin registrou um faturamento de 5,2 bilhões de euros, um aumento de 7,5%

O grupo de luxo francês Hermès registrou vendas recordes em 2016, ultrapassando pela primeira vez os 5 bilhões de euros em volume de negócios, apesar de um contexto de incertezas.

A fabricante de lenços de seda e da famosa bolsa Birkin registrou um faturamento de 5,2 bilhões de euros, um aumento de 7,5%, principalmente graças ao sucesso comercial de seus produtos de couro e crescimento em todas as áreas geográficas.

“Conseguimos mais uma vez resultados superiores do que os do setor, superamos pela primeira vez os 5 bilhões”, afirmou nesta quarta-feira o presidente do grupo, Axel Dumas.

A Ásia, o principal mercado do grupo com 2,5 bilhões de euros, cresceu 7,5%. “O Japão registrou resultados excepcionais (+8,6%), apesar do aumento do iene durante o ano”, disse Dumas.

“A França resistiu, apesar de sofrer a nível global com a queda no número de turistas”, após os ataques dos últimos dois anos, acrescentou.

O grupo francês, que publicará em 22 de março seus resultados anuais, confirma que seu lucro operacional “deve ser ligeiramente maior do que em 2015”, quando foi de 31,8%.