Gouveia renuncia à presidência da Cielo

Foi indicado como interino o vice-presidente executivo de finanças e Diretor de Relações com Investidores, Clovis Poggetti

São Paulo – A Cielo informa que o diretor presidente Eduardo Gouveia apresentou nesta sexta-feira, 13, carta de renúncia, a qual foi aceita pelo Conselho de Administração, que então indicou como interino Clovis Poggetti, vice-presidente executivo de finanças e Diretor de Relações com Investidores.

Gouveia ficou por um ano e meio no cargo, e decidiu sair alegando questões de foro pessoal e familiar. “Minha passagem pela Cielo foi, certamente, uma das mais ricas de minha vida, no aspecto tanto profissional quanto pessoal. Sair foi a decisão mais difícil que já tomei. Demandou muito tempo e muita reflexão”, afirma na carta de renúncia. E conclui: “Saio com sentimento de missão cumprida por ter dado passos firmes na direção correta.”

Gouveia: “Sair foi a decisão mais difícil que já tomei”

Gouveia: “Sair foi a decisão mais difícil que já tomei” (Germano Luders/Reuters)

“Os conselheiros manifestaram os votos de agradecimento pelo empenho, dedicação e enorme contribuição do Sr. Eduardo Campozana Gouveia, que atuará no processo de transição até sua saída no mês de agosto”, diz o fato relevante assinado pelo Presidente do Conselho Marcelo de Araújo Noronha.