GM faz recall de 1,4 mi de veículos por risco de incêndio

A GM indicou que nestes veículos as freadas bruscas podem provocar o gotejamento de óleo no cano de descarga, o que pode causar incêndios

Washington – O fabricante automobilístico americano General Motors (GM) anunciou nesta terça-feira o recall de 1,4 milhão de automóveis no mundo todo, devido ao risco de incêndio pelo vazamento de óleo no cano de descarga.

Os modelos chamados para recall da GM são Pontiac Grand Prix 1997-2004, o Chevrolet Impala 2000-2004, o Chevrolet Lumina 1998-1999, o Chevrolet Monte Carlo 1998-2004, o Oldsmobile Intrigue 1998-1999 e o Buick Regal 1997-2004.

A GM indicou que nestes veículos as freadas bruscas podem provocar o gotejamento de óleo no cano de descarga, o que, combinado às altas temperaturas, “pode causar incêndios” no compartimento do motor.

“A GM está trabalhando em uma solução”, assinalou a companhia em documentos remetidos à Administração Nacional para a Segurança na Estrada (NHTSA) dos Estados Unidos.

A companhia acrescentou que recebeu notificações de 19 lesões leves nos últimos seis anos.

É a quarta vez, desde 2008, que a GM realiza uma revisãopara solucionar este problema.

A Fiat Chrysler informou hoje que realizará duas convocações poara recall que afetam 180 mil veículos nos Estados Unidos.

A primeira é a revisão de 94 mil Jeep Cherokee 2015 por um problema com o ar condicionado que pode provocar incêndios.

O segundo problema está em 86 mil caminhonetes pickup Ram 2015-2016 por um defeito no eixo traseiro.