GE anuncia corte de milhares de vagas e venda de ativos

A fabricante venderá suas atividades no setor de transportes e de serviços de eletricidade, além de US$ 20 bilhões em ativos

Em dificuldades, a General Electric (GE) anunciou nesta segunda-feira (13) que concentrará sua atividade em três setores (Aeronáutica, Saúde e Energia), suprimindo milhares de empregos, para reduzir custos.

A fabricante de motores de avião e de turbinas também venderá suas atividades no setor de transportes e de serviços de eletricidade, além de 20 bilhões de dólares em ativos.

Também deve se desligar do grupo de serviços petroleiros americanos Baker Hughes, o qual controla.

O conglomerado industrial americano General Electric (GE) pagará 12 centavos por ação, ao invés de 24 como estava previsto, durante o trimestre em curso, informa um comunicado divulgado hoje.

A capitalização da GE na Bolsa registrou queda de mais de 100 bilhões de dólares desde janeiro.

Em 2009, afetado por sua filial financeira GE Capital, o grupo adotou uma medida similar, que o CEO da época, Jeff Immelt, considerou mais tarde a “pior decisão” tomada em seus 16 anos de gestão.