“Filha da Zara” vira a mais rica da Espanha após herança

Sandra Ortega Mera recebeu mais de 90 por cento da fortuna de Rosalía Mera, depois da morte de sua mãe em agosto

Madri – A filha do confundador da Inditex SA, Amancio Ortega, tornou-se a mulher mais rica da Espanha após herdar a participação da sua mãe na maior varejista de indumentária do mundo.

Sandra Ortega Mera recebeu mais de 90 por cento da fortuna de Rosalía Mera, incluindo a companhia matriz Rosp Corunna Participaciones Empresariales SL, depois da morte de sua mãe em agosto, conforme uma fonte do setor que solicitou o anonimato pelo caráter privado do assunto. Ambas controlavam a entidade juntas antes do falecimento de Mera.

A Rosp Corunna controla 5,1 por cento da Inditex, sediada em Arteixo, Espanha. Ortega Mera, de 45 anos, possui uma fortuna pessoal de US$ 7,3 bilhões, conforme o Índice de Bilionários da Bloomberg, e é a 182° pessoa mais rica do mundo. Ela é a segunda maior acionista da companhia.

“A herança da Rosp Corunna recebida por Sandra Ortega a eleva até a esfera mais alta de riqueza na Espanha”, afirmou Nicholas Moody, o editor sediado em Londres da Campden Wealth, uma comunidade de redes para as empresas familiares mais ricas do mundo. “Será interessante ver se ela se envolve mais com a Inditex e assume um papel mais ativo na companhia”.

A herança transforma Ortega Mera na bilionária europeia mais jovem no ranking da Bloomberg. Seu pai é a terceira pessoa mais rica da Terra, com uma participação de 59 pro cento na Inditex e uma fortuna pessoal de US$ 65,9 bilhões.

Zara, Bershka

A Inditex, entre cujas marcas figuram a Zara, a Pull Bear e a Bershka, opera mais de 6 mil lojas no mundo. Sua renda líquida elevou-se pelo menos 10 por cento em cada um dos últimos três anos, levando o preço das suas ações a dobrar e incrementando o valor da participação da Rosp Corunna para US$ 5,2 bilhões.


“A Inditex é uma varejista de indumentária excepcional”, escreveu o analista da BNP Paribas sediado em Londres Ben Spruntulis, em uma nota publicada em setembro de 2013. “Apresenta alta qualidade, formatos de sucesso comprovado, consistência na execução, um crescimento global estruturado, um modelo operativo sustentável e altas barreiras à entrada”.

Quando Mera ainda vivia, ela controlava 86 por cento da Rosp Corunna, sediada em A Coruña, Espanha, e sua filha controlava o restante. Ortega Mega foi revelada como bilionária pela primeira vez em outubro de 2012, quando se confirmou sua participação de 14 por cento na matriz.

A Rosp Corunna também controla uma participação de 5 por cento na companhia farmacêutica espanhola de capital aberto Zeltia SA, cujo valor é de US$ 39 milhões, e investimentos em private equity, com valor de US$ 100 milhões, segundo dados compilados pela Bloomberg.

Sem comentários

José Leyte, porta-voz de Ortega Mera, não quis fazer comentários sobre a fortuna líquida da família.

O irmão mais novo da bilionária, Marcos, recebeu cerca de 8 por cento do patrimônio da sua mãe, e o balanço foi para a irmã. Ortega Mera também é vice-presidente da Fundación Paideia Galiza, fundação que ela criou com sua mãe para ajudar os membros vulneráveis da sociedade, incluindo pessoas com deficiência, a encontrarem empregos e desenvolverem maior autonomia.

Rosalía Mera fundou a Inditex junto com Amancio Ortega em 1963 e abriu a primeira loja da Zara 12 anos depois. Eles se divorciaram em 1997, quatro anos antes da abertura de capital da Inditex. Mera morreu por uma hemorragia cerebral em 14 de agosto enquanto passava férias com sua filha na ilha de Menorca.