Falsas verdades sobre empreendedores

Para Farrell, a mídia e o mundo dos negócios vêm nos bombardeando com mitos sobre empreendedorismo. Conheça os mais comuns e as respostas do autor a eles

Mito 1 – Não é possível desenvolver o empreendedorismo, vvocê deve nascer empreendedor

Nos Estados Unidos, os maiores responsáveis pelo surgimento de novos negócios são os profissionais que foram demitidos de seus empregos e precisaram encontrar uma forma de sobreviver. São gestores que viraram empreendedores por necessidade.

Mito 2 – Todo empreendedor inventou algo na garagem de casa, quando jovem, e tem uma personalidade esquisita

O empreendedor americano médio tem entre 35 e 45 anos, dez anos de experiência numa grande empresa e um perfil psicológico rico. Empreendedores são pessoas normais, como eu e você.

Mito 3 – o objetivo de todo empreendedor é ser milionário

Todos os empreendedores que entrevistei, mesmo os que ficaram ricos, afirmam que isso não é verdade. O que os motivou foi a vontade de criar algo novo e não a pergunta: Bom, o que eu posso fazer para ficar rico?

Mito 4 – empreendedores não são muito confiáveis

Essa visão era muito comum quando eu era jovem. Agora responda: onde estão acontecendo os maiores crimes do mundo dos negócios? Nas grandes empresas. Não faz sentido dizer que um empreendedor deve ser menos respeitado do que um CEO.

Mito 5 – um empreendedor precisa tomar riscos enormes

Como investem o próprio dinheiro, empreendedores tendem a ser muito conservadores. Os maiores riscos são tomados pelos principais executivos das grandes empresas. Vários já me disseram que apostariam 1 milhão de dólares numa nova idéia. Nenhum empreendedor faria isso.

Mito 6 – fazer um mba é a melhor forma de se transformar num empreendedor

Minha recomendação aqui é: economize seu dinheiro. O conhecimento sobre gestão vai fazer falta depois que sua empresa atingir um certo tamanho. Nessa hora pode ser uma boa idéia contratar alguém com um MBA.