EXAME e CNI promovem encontro para discutir futuro da indústria no Brasil

Com foco no desenvolvimento da indústria nacional, o encontro debaterá alternativas de inovação por meio da tecnologia no setor

São Paulo – A busca pela inovação caminha a passos lentos no Brasil. O país está hoje na 69º posição do Índice Global de Inovação e despencou 22 posições no ranking entre 2011 e 2017. Essa realidade, que vai na contramão de iniciativas de outras regiões do planeta, inspirou o tema do encontro “Inovação: A Indústria do Futuro”, promovido por EXAME e CNI (Confederação Nacional da Indústria), que acontece no próximo dia 18 de maio.

Realizado no Palácio Tangará, em São Paulo, o debate pretende apresentar formas alternativas para desenvolver a indústria brasileira por meio de inovações tecnológicas. O encontro contará com a divulgação de um levantamento inédito, desenvolvido por pesquisadores do Projeto Indústria 2027, sobre os impactos de grupos de tecnologias (como internet das coisas, inteligência artificial e biotecnologia) em setores industriais nos próximos cinco e dez anos.

Além do estudo, líderes empresariais promoverão também uma mesa de debates sobre o tema. Cristina Palmaka, presidente da SAP Brasil, Mauro Kern, vice-presidente executivo de Engenharia da Embraer, Dan Ioschpe, presidente da Iochpe-Maxion, Bernardo Gradin, presidente da GranBio e Besaliel Botelho, presidente da Bosch América Latina são os participantes confirmados.

O evento “Inovação: A Indústria do Futuro” ainda terá palestra de Soumitra Dutta, ex-reitor e professor de Gestão na Cornell University. O docente vai falar sobre a transformação digital e cognitiva, com foco nas perspectivas para o Brasil.