Eletrobras anuncia conclusão de venda da Amazonas Energia

Empresa era a mais deficitária e endividada das seis distribuidoras de eletricidade no Norte e Nordeste privatizadas pela estatal ao longo de 2018

São Paulo — A Eletrobras completou na véspera a transferência de controle da distribuidora Amazonas Energia ao consórcio formado por Oliveira Energia e Atem, vencedor de leilão de privatização realizado em dezembro.

Em comunicado na noite de quarta-feira, 10, a estatal disse que o negócio já recebeu aprovações do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) e da reguladora Aneel, além de ter passado por ajustes no que tange à conversão de dívidas em capital social da Amazonas Energia.

A empresa do Amazonas era a mais deficitária e endividada de uma série de seis distribuidoras de eletricidade no Norte e Nordeste privatizadas pela Eletrobras ao longo de 2018.

“Além disso, se tornou eficaz a cessão de direitos da Amazonas Energia para a Eletrobras, referentes à Conta de Consumo de Combustíveis (CCC) e a Conta de Desenvolvimento Energético (CDE)”, destacou a estatal em comunicado ao mercado na noite de quarta-feira.

“Informamos ainda que o comprador realizou também… aporte de capital obrigatório na Amazonas Energia, no valor de 491,4 milhões de reais, nos termos previstos no edital”, acrescentou a elétrica.