Eldorado inaugura fábrica de celulose com capacidade

Unidade com capacidade de 1,5 milhão de toneladas recebeu 6,2 bilhões de reais em investimentos

São Paulo – A Eldorado Brasil inaugurou nesta quarta-feira sua fábrica de celulose em Três Lagoas (MS) com capacidade de 1,5 milhão de toneladas, entrando oficialmente no mercado de celulose branqueada, segundo nota enviada à imprensa.

A empresa –controlada da J&F Investimentos, que também é a principal acionista do frigorífico JBS– quer se tornar a líder global do setor.

O empreendimento foi construído em dois anos e exigiu investimentos de 6,2 bilhões de reais, sendo 4,5 bilhões de reais para a construção da fábrica, 900 milhões de reais para a composição de florestas de eucalipto e 800 milhões de reais para logística.

A Eldorado estima um faturamento de 2 bilhões de reais no primeiro ano de operação e prevê a entrada de uma segunda linha que irá dobrar a capacidade da fábrica para 2017.

Em uma terceira fase, prevista para 2021, será adicionado mais 1,5 milhão de toneladas à capacidade.

Essa foi a primeira de uma série de inaugurações e expansões esperadas no setor de celulose entre 2012 e 2013, que elevará a oferta e poderá pressionar os preços do insumo, segundo analistas.

No próximo ano, a Stora Enso deve inaugurar sua fábrica em Montes del Plata, no Uruguai, por meio de uma joint venture com o conglomerado chileno Copec. Já a Suzano Papel e Celulose inicia as operações na unidade que está sendo construída no Maranhão no fim do ano que vem.

Além disso, a chilena CMPC anunciou na semana passada a ampliação de sua fábrica no Rio Grande do Sul, com uma nova linha de celulose de eucalipto de 1,3 milhão de toneladas, esperada para 2015, que se somará a atual capacidade de 450 mil toneladas da unidade.