Eike vende sua parte na BRIX, sua bolsa de energia elétrica

Em meados de dezembro, empresário teria vendido seus 20% na companhia a seus sócios

São Paulo – Eike Batista vendeu sua participação na BRIX, plataforma de negociação de energia elétrica fundada por ele em 2011. A informação saiu hoje no Valor Econômico.

Confirmada pelo presidente Levindo Santos, a transação teria acontecido em meados de dezembro e não teve valores divulgados. Os compradores da fatia de Eike teriam sido os próprios sócios da empresa.

De acordo com o Valor, são eles: Josué Silva (presidente do conselho da Coteminas), Roberto da Costa (ex-presidente da Comissão de Valores Mobiliários), Marcelo Parodi (um dos donos da Compass Energia) e a companhia IntercontinentalExchange.

Em julho, Marcelo Mello já havia deixado a presidência da empresa em função de uma “reestruturação organizacional”.