Se você se sente insatisfeito com algum aspecto da vida, este recado é para você

Você atingiu o sucesso profissional, tem uma vida financeira estável, uma família que sempre sonhou, mas mesmo assim se sente insatisfeito com a vida e incompleto?

Os anos estão passando e você se pergunta cada vez mais sobre o real sentido da vida?

Tem muitos contatos no WhatsApp, mas sente falta de amizades realmente verdadeiras?

Se você se identifica com alguma dessas perguntas ou pensou em outras similares, você não está sozinho!

Este tipo de questionamento é normal, ainda mais em uma sociedade opressora, egoísta, volátil e imediatista como a nossa.

Mas como vencer estes problemas e alcançar uma vida plena, equilibrada e feliz?

Luciana Bertocco, magistrada, 45 anos, é a filha mais velha de quatro irmãs e desde muito nova sempre foi independente e pagava as próprias contas. Com 23 anos, já tinha passado no concurso para torna-se juíza. E apesar da determinação, de ter conquistado muitas coisas e da infância tranquila, não se sentia reconhecida.

Luciana Bertocco, magistrada, 45 anos

“Não que eu não tivesse reconhecimento, mas não o enxergava. Eu me frustrava o tempo inteiro, mesmo chegando onde eu queria”, conta. Ela se sentia sozinha, mesmo rodeada de pessoas.

Luciana conseguiu entender e trabalhar suas dores depois que sua irmã indicou o Processo Hoffman, um programa intensivo de autoconhecimento que induz o participante a reviver suas histórias para que compreenda escolhas, a maneira como se relaciona com os outros e consigo mesmo, permitindo, assim, repensar a maneira como está vivendo e construir novos caminhos com mais clareza.

“Ganhei uma consciência absurda de mim mesma. Entendi o que eu gostava, o que eu fazia de errado para atrair o que eu não gostava e mecanismos internos do que posso fazer para mudar isso na minha vida. Percebi que eu não tinha que ser tão dura comigo mesma”, comenta.

O curso é um momento de reeducação para o desenvolvimento das inteligências emocional e comportamental, fornecendo instrumentos para ampliar o potencial, eliminar barreiras que impedem o crescimento, quebrar padrões limitantes e conquistar amor-próprio, qualidade de vida e realização pessoal e profissional.

Antes de participar, muitos alunos relatam estar passando por um momento de indecisão, seja na vida pessoal e familiar ou dúvidas a respeito da carreira, sensação de incapacidade, não saber seu lugar no mundo e problemas em relacionamentos amorosos, entre outras dores.

A experiência

O empresário Gilmar da Cruz Garcia, de 46 anos, sentia que precisava melhorar vários aspectos da vida e por isso decidiu participar da imersão. “Eu queria melhorar como pessoa e sabia que precisava disso. Foi como se eu saísse de um buraco e conseguisse respirar”, afirma Gilmar, que também mudou diversos hábitos e otimizou sua vida como um todo.

Para Regina Affonso, bióloga de 61 anos, o Processo Hoffman mostrou uma nova perspectiva de vida. “Estava muito pra baixo, me sentindo um lixo. Saí de lá outra pessoa, mais resolvida, mais determinada e com visão de futuro”, relata.

Participantes da turma 626 do Processo Hoffman

Quem participa do programa busca o autoconhecimento profundo e a autoaceitação, compreendendo sua história e encontrando um propósito para o futuro, a partir da consciência aprofundada de qualidades e fraquezas.

A metodologia

Durante sete dias de imersão em grupo e sem nenhum contato com o mundo externo, o Processo combina diversas  técnicas, com o objetivo de fazer uma reeducação baseada no autoconhecimento, principalmente entendendo a infância. Ele trabalha quatro aspectos: as inteligências intelectual, emocional, física e espiritual — sem qualquer relação com religiões.

Entre os conteúdos abordados, estão:

  • Amplo reconhecimento de forças e limitações;
  • Elevação do autoconhecimento, amor próprio, consciência,  autorresponsabilização e poder de autonomia;
  • Melhora na qualidade de relacionamento, consigo e com o outro;
  • Capacidade para identificar e alterar comportamentos que sabotam o sucesso;
  • Aumento das Inteligências Emocional, Intelectual, Física e Espiritual (intuição);
  • Alinhamento de valores com atitudes e decisões de futuro;
  • Maior comprometimento com bem-estar e qualidade de vida;
  • Maior clareza e certeza sobre oque deseja e o propósito de vida.

Sobre o Método Hoffman e sua presença no Brasil

O Método Hoffman é referência mundial em treinamentos de autoconhecimento. Criado há 50 anos, por Bob Hoffman, está presente em 14 países com cursos, palestras, workshops, programas de desenvolvimento individual, assim como outras atividades e conteúdos que promovem a reeducação e o desenvolvimento das Inteligências Emocional e Comportamental.

No Brasil há mais de 35 anos, a licença para aplicação do treinamento é da especialista Heloísa Capelas, empreendedora e gestora do Centro Hoffman.

Próximas turmas

26/01

16/02

Inscrições

www.processohoffman.com.br