Dona da Amil compra empresa do presidente do Albert Einstein

UnitedHealthcare Brazil anunciou hoje a compra da Lotten Eyes, rede de atendimento oftalmológico de Claudio Lottenberg, por um valor não divulgado

São Paulo – A UnitedHealthcare Brazil, dona da Amil, comprou a Lotten Eyes, rede de atendimento oftalmológico de Claudio Lottenberg, presidente do Hospital Israelita Albert Einstein.

O negócio, fundado plo médico há 25 anos, já atendeu mais de 150.000 pessoas em consultas, exames e procedimentos clínicos de oftalmologia por meio de 18 clínicas em São Paulo.

O valor da aquisição não foi divulgado, mas a estratégia é clara: expandir a operação do grupo no país com serviços especializados, reconhecidos pelos clientes.

Lottenberg seguirá no comando da clínica, além de assumir a missão de consultor estratégico da United Health no país. Ele permanece na presidência do Einstein até o final deste ano.

De acordo com uma nota divulgada pela companhia, os médicos e profissionais de saúde da Lotten Eyes serão mantidos como parte do Americas Serviços Médicos, empresa do grupo.

O fato de Lottenberg ocupar há quinze anos a presidência de um dos maiores hospitais privados da América Latina contou bastante na decisão da compra.

“Ele possui grande experiência e conhecimento sobre todas as áreas dos serviços de saúde e compartilha do nosso compromisso de ajudar as pessoas a viver de forma mais saudável”, disse Edson Bueno, CEO da UnitedHealthcare Brazil, na nota.

Operação delicada

Desde que foi comprada pela UnitedHealthcare em 2012, por 10 bilhões de reais, a Amil passa por reestruturações – e a entrada de Lottenberg no negócio já era cotada há tempos.

Sob seu comando, o Albert Einstein quintuplicou o número de leitos e fechou parcerias com o Sistema Único de Saúde (SUS), entre outras melhorias, que fizeram a gestão do hospital ser reconhecida como uma das melhores do país.

Com sua chegada, a Amil seguiria a receita de aumentar a rede própria e ganharia em credibilidade, com a oferta de serviços especializados. 

Leia também:
+ Quem é a UnitedHealth, a nova dona da Amil

+ Compra da Amil saiu cara para a United Health