Diretor do Royal Opera House é nomeado para direção da BBC

Tony Hall substitui George Entwistle, obrigado a renunciar ao cargo devido ao tratamento editorial de um escândalo vinculado à pedofilia

Londres – Tony Hall, diretor-geral do Royal Opera House, foi nomeado à frente da BBC em substituição a George Entwistle, obrigado a renunciar devido ao tratamento editorial de um escândalo vinculado à pedofilia, anunciou nesta quinta-feira o grupo audiovisual britânico.

“Podemos confirmar que Tony Hall foi nomeado novo diretor-geral da BBC”, indicou um porta-voz à AFP.

O escândalo se originou no programa Newsnight, uma autoridade em termos de jornalismo investigativo. A equipe acaba de admitir que censurou, no final de 2011, uma investigação que incriminava o ex-apresentador Jimmy Savile, falecido semanas antes, aos 84 anos. A Scotland Yard o considera agora um dos piores “predadores sexuais” de menores da história britânica.

No início de novembro, o caso ganhou nova repercussão quando um veterano político conservador da era Margaret Thatcher.

O escândalo forçou a demissão de Entwistle, depois de apenas 54 dias no cargo. Sua saída deveria ter acalmado os ânimos, mas as 450.000 libras que levará de indenização reavivaram a polêmica sobre os gastos excessivos da BBC.