Diretor deixa Time Warner Cable e entra em startup

Arthur Minson pedirá demissão com efeito imediato, menos de uma semana após a Charter Communications comprar a Warner

O diretor financeiro da Time Warner Cable, Arthur Minson, pedirá demissão com efeito imediato, menos de uma semana após a Charter Communications aceitar comprar a empresa por 56 bilhões de dólares.

Minson, 44, irá vai para a startup WeWork como presidente e diretor operacional, mas permanecerá como consultor da Time Warner Cable até o fechamento da transação com a Charter.

A WeWork, iniciada em 2010, oferece escritórios criativos e espaços para reuniões profissionais.

A remuneração de Minson em 2014 foi de 13 milhões de dólares.