Técnicos de celulares podem ganhar até 15 mil reais por mês

A crise no Brasil chegou à (quase) todos os setores do país. Com a alta carga tributária e menor poder de compra dos brasileiros, os consumidores estão adiando a compra de novos smartphones e apostando na manutenção e conserto dos celulares, nos casos em que o aparelho apresenta algum tipo de problema. Tudo isso é reflexo da crise econômica e, com isso, quem tem saído ganhando são as lojas de assistência técnica de celulares, que viram a demanda de serviços aumentar em até 50% nesse primeiro semestre do ano.

Ganhos de até 15 mil reais por mês.
Um técnico ganha entre 100 a 400 reais de mão de obra  por aparelho de acordo com o trabalho, o celular e até a região que atende. Em média, um técnico de manutenção de celulares ganha de 3 a 15 mil reais por mês.
“O iPhone é um dos celulares mais caro e por isso, exige mais cuidados, porém é um dos celulares que dá mais lucro. Chego a consertar em média 40 iPhones por mês cobrando até 400 reais de mão de obra, dependendo do problema, da região e do cliente”, conclui Jonas Alvez, que mantém uma assistência em seu bairro na Zona Norte de São Paulo.

Mercado lucrativo em todo o Brasil
Segundo analistas, o mercado é ainda mais lucrativo pelo interior do Brasil, onde a mão de obra qualificada é escassa.
“Muitos alunos vem de fora de São Paulo atraídos pelo mercado no interior do Brasil, onde o preço chega a ser até 200 a 300% mais caro do que nas grandes capitais, e o cliente paga pela falta de assistência ou profissionais qualificados”, afirmou Marcelo Guedes, diretor comercial da Premium Phone, escola de manutenção de celulares em São Paulo.

Sala de aula cheia
Profissionais de diversas áreas começaram a migrar para a área de assistência técnica de celular. Mercado não para de crescer.

Após qualificação, escola oferece suporte pós-curso para alunos
Bruno Rissato de São Paulo, capital, quando encerrou o curso na Premium Phone (escola referência em curso de manutenção de celulares), sempre que encontra alguma dúvida ou dificuldade, ele recorre até a escola para usufruir do suporte ao lado do professor.
“Para mim, o ponto principal é o suporte técnico após o curso. Eu venho mais pelo suporte pós-curso. Ter a prática, aquele negócio de treino é treino e jogo é jogo, aqui o suporte é bem isso. O Suporte está ai para ajudar na prática e funciona muito para mim.”
Outro ex-aluno, mas ainda nosso cliente, Rafael de Oliveira, também utiliza o suporte quando necessário.
“Eu já trouxe 22 aparelhos de clientes no suporte.  Como eu não tive capital para montar minha loja e minha bancada no momento, vim para o suporte para usar a estrutura, ferramentas e equipamentos da Premium Phone. Fora isso, o meu professor me acompanha passo a passo ao meu lado. É uma experiência incrível e que me dá muita segurança para trabalhar.”

Investimento para entrar na área
O curso básico para quem quer entrar na área sai a partir de R$ 2.180,00 (à vista) abrangendo vários aparelhos que utilizam o sistema operacional Android e também iPhones. Você ainda poderá optar por abrir sua própria assistência técnica de celulares ou trabalhar para uma assistência técnica.

Quer saber mais?
A Premium Phone encontra-se na Rua Santa Ifigênia, n° 348 – 1º andar – Centro. 
Entre no Site www.premiumphone.com.br e cadastre-se para mais informações ou ligue para  (11) 3223-8686.
Website: http://www.premiumphone.com.br

Website: http://www.premiumphone.com.br