Startup Marmotex inova o conceito de almoço corporativo e busca investidores

Inovação e criatividade são as palavras-chaves da Marmotex, que desenvolveu um novo conceito de almoço corporativo que se diferencia da tradicional marmita ou marmitex. Trata-se de um modelo de negócio de marketplace focado no mercado corporativo, que atua como o elo facilitador entre o restaurante e o consumidor.

Essa proposta de alimentação na própria empresa tem como objetivo criar uma cultura interativa no ambiente de trabalho, com pessoas da própria empresa que compartilham o mesmo objetivo, mas que geralmente não têm tempo de socializar.

Com versão Beta lançada em agosto de 2014, a startup foi fundada pelos sócios Peter Chun e Clayton Oliveira, que investiram cerca de R$ 10 mil para realizar uma pesquisa de mercado, desenvolver a marca, criar o aplicativo e o site, pesquisar, avaliar e cadastrar os restaurantes e o sistema de entregas, além de criar as embalagens exclusivas.

Na prática, para utilizar o serviço basta baixar o aplicativo no celular ou acessar a página no desktop (www.marmotex.com) e fazer o cadastro gratuitamente. Assim que estiver logado, o usuário pode criar seu próprio grupo, identificando seu local de trabalho, ou participar de um já existente.

Os pedidos podem ser realizados no mesmo dia, às 10h, e serão entregues a partir das 12h, no horário agendado pelo grupo. Também é possível agendar o pedido semanal, alternando cardápios e quantidades. Por enquanto, as regiões atendidas pela Marmotex são Vila Olímpia e as avenidas Brigadeiro Luis Antônio e Faria Lima.

O valor das refeições varia entre R$ 19,00 e R$ 34,00, incluindo embalagem, talheres, guardanapo e entrega. Nas regiões atendidas, o ticket médio dos restaurantes é de R$ 30,00. O pagamento é individual, uma vez que cada usuário tem sua conta, e realizado mensalmente, através do cartão de crédito cadastrado.

A Marmotex possui uma base formada por aproximadamente 2.000 usuários cadastrados, formada por funcionários de instituições financeiras, agências de propaganda, escritórios de advocacia e espaços de coworking das regiões atendidas.

Atualmente, são entregues aproximadamente 30 refeições/dia e a meta é atingir a marca de 100 refeições/dia até meados de janeiro de 2016. Para dar continuidade ao processo de crescimento, a startup investe na expansão do cardápio dos restaurantes com fotos mais atrativas e busca um investidor para que possa ampliar a logística de entrega e atuação.

“Independente da quantidade de pedidos, imprimimos a mesma qualidade, tanto da comida, quanto da entrega, realizada sempre no horário combinado. Com isso, conquistamos credibilidade e o usuário pode otimizar o tempo do seu almoço, ganhando tempo para outras atividades rotineiras, como ir ao banco ou adiantar uma tarefa importante na empresa”, declara Peter Chun, sócio-fundador da Marmotex.

A Marmotex foi criada para atender a necessidade de 3 amigos que almoçavam na empresa constantemente e estavam insatisfeitos com a qualidade da refeição e não abriam mão da comodidade de entrega na hora desejada por preço convidativo. A startup atua no CUBO, na Vila Olímpia, um ambiente que privilegia a conexão entre empreendedores e que privilegia a criatividade e a inovação. Mais informações sobre a Marmotex no www.marmotex.com.

Website: https://www.marmotex.com/