Startup cresce 15% ao mês com plataforma de geração de boletos para autônomos

Empreendedores brasileiros estão utilizando cada vez mais ferramentas de tecnologia para gestão dos seus negócios. Isso é o que identificou a startup Asaas, que atua no segmento de fintechs (tecnologia para finanças) e desenvolve a plataforma para geração de boleto, gestão de cobranças e antecipação de recebíveis por boleto para microempresas, MEIs e autônomos. Em um ano a média mensal de transações dobrou de valor, passando de cerca de R$ 2 milhões para R$ 4,1 milhões.

A adesão dos usuários cresce mês a mês. Se levar em consideração apenas o início deste ano, o crescimento em fevereiro, em relação a janeiro, chegou a 35%. A meta da startup é manter o aumento de pelo menos 15% ao mês e fechar o ano com R$ 130 milhões em transações pela aplicação de gestão de cobranças.

Para facilitar a cobrança, a plataforma Asaas permite que microempresas, MEIs e autônomos possam continuar emitindo boletos desembolsando apenas por boleto pago pelo seu cliente. Além disso, com a solução, todos os boletos são registrados no sistema do banco, sem custo nenhum por boleto não recebido.

“A medida também busca diminuir as fraudes e a inadimplência no Brasil. Em janeiro, o Serasa informou que a dívida chegou a R$ 255 milhões. Assim, a Asaas quer ajudar uma parcela alta de brasileiros e que não são o público-alvo de outras fintechs: os MEIs e autônomos, muitas vezes que não têm carteira assinada, além de dar um retorno positivo ao mercado”, completa Piero Contezini, cofundador e CEO da startup. A expectativa da Asaas é se consolidar como o maior player da América Latina no segmento de cash management para MEIs até 2025.

Fintechs

A Asaas pertence ao segmento das fintech, que desenvolvem inovações em serviços financeiros, como conta corrente, empréstimos, cartões de crédito e seguros. Segundo o portal Let”s talk payments, nos Estados Unidos, o Brasil é um terreno fértil para essas iniciativas, que alcançam clientes que até então estavam fora do sistema financeiro. Dados do Banco Central afirmam que cerca de 40% da população economicamente ativa do país não tem conta em banco.

Como funciona o Asaas:

As funcionalidades estão disponíveis pelo site e pelo aplicativo para Android. O usuário pode, sem cadastro prévio, gerar um boleto em apenas 30 segundos. Somente haverá custo caso a cobrança se realize positivamente e o usuário pode optar ainda pela assinatura de planos que tornam o serviço ainda mais barato em grandes volumes. Para quem faz pagamentos gerados pelo Asaas, há ainda a facilidade de receber o código de barras por e-mail e SMS, ou em carta impressa, sendo que o Asaas conta com diversas formas de pagamento, como boleto, cartão de crédito, depósito e transferência.

Na funcionalidade de antecipação de recebíveis por boleto, o cliente seleciona se quer receber o valor do boleto bancário no dia da geração da cobrança – via Asaas – ou na data do pagamento. Os valores a serem antecipados e as taxas cobradas pelo serviço variam de acordo com o perfil do cliente, porém a ideia é: quanto maior a movimentação, menores as taxas.

Seja do aplicativo para telefone ou pela web e sem a necessidade de cadastro, o Asaas também conta com uma área de instrução para emissão de 2ª via de faturas dos 100 serviços mais utilizados no mercado, como contas de celular, boletos de consórcio de carros, de instituições bancárias, das principais lojas de departamentos, do carnê MEI, INSS, PagSeguro, entre outros.
Website: https://www.asaas.com