Planos de Saúde: usuários procuram por eficiência e qualidade

Conforme Pesquisa de Satisfação de Beneficiários de Planos de Saúde, que faz parte do Programa de Qualificação de Operadoras da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), a Geap é aprovada e recomendada por 80% dos beneficiários. O resultado positivo põe a Autogestão numa posição de destaque no cenário nacional.

De acordo com dados da Kurier Tecnologia, que analisa extração, análise e distribuição de informações para o mercado jurídico, o número de ações contra convênios aumentou em 27% entre 2014 e 2017. Alto custo dos planos e negação de atendimento médico fazem parte dos maiores problemas em relação aos planos de saúde no país. Contexto bem diferente do que é verificado quando se observam os resultados obtidos pela pesquisa com relação à Geap.

A pesquisa da ANS indica que a Operadora de planos de saúde para os servidores públicos oferece modalidades de procedimentos superiores ao estabelecido pelo rol da Agência, como assistência odontológica, por exemplo. São mais de 17 mil prestadores, entre hospitais, laboratórios e clínicas especializadas.

O reconhecimento da ANS junto à Geap é fruto do atendimento diferenciado, como destaca o Diretor-Executivo da Autogestão, Leopoldo Jorge Alves Neto. “A maior parte dos nossos beneficiários indicou conseguir assistência prontamente”, afirmou.

A qualidade do serviço é atestada por quem utiliza e necessita de cuidados médicos. “Nesses mais de 40 anos, a operadora nunca me faltou”, declarou Mirna do Rosário, de Goiânia (GO). “Sou assistida há 33 anos e, sempre que precisei, fui muito bem atendida”, confirmou Artemis Rodrigues, de Campo Grande (MS).

Atenção na hora de escolher o plano

A decisão de contratar uma operadora de saúde precisa ser acertada. Trata-se de uma relação de confiança que deve ser estabelecida entre o usuário e a empresa, desde o primeiro contato, e perdurar durante toda a história de quem deposita os cuidados de sua vida ao serviço assistencial.

Algumas precauções são essenciais na hora de aderir a um plano, como as formas de contratação disponíveis e os benefícios contidos na cobertura, explica o advogado Marcus Edmundo Júnior. Ele também fala sobre a necessidade de se ter a garantia de que o plano contratado seja seguro e cumpra todas as exigências da ANS.

“O mais importante é pedir à empresa que vende o plano de saúde o número de registro da operadora e do plano na ANS. Informe-se sobre as avaliações desses produtos e operadoras e que lugar no ranking elas ocupam”, enfatiza Marcus.

Website: https://www.geap.com.br/