Futuro da tecnologia pode transformar as relações no varejo

O sucesso de qualquer negócio depende de uma série de questões. Algumas delas estão diretamente ligadas à maneira como ele é administrado, às ações promovidas pelos responsáveis para o crescimento da empresa e o pleno atendimento das necessidades do público-alvo, enquanto outras dependem da forma como a concorrência se comporta e da consolidação do mercado para o varejo. Nesse sentido, a implantação de novas estratégias é imprescindível e as diferentes ferramentas, desenvolvidas a todo o momento, são grandes aliadas. Não é possível saber ao certo qual o futuro da tecnologia, mas algumas previsões já vêm sendo realizadas e ajudam a orientar os próximos passos.

Segundo o site Ecommerce Guide, o relatório publicado pela Plusnet, denominado “Como o futuro influenciará o varejo”, traz algumas previsões do futuro da tecnologia que podem ser a chave para fazer a diferença no mercado, tanto para as lojas físicas como para as que atuam no meio virtual. Uma das questões predominantes é a exploração da internet como recurso fundamental para aumentar as vendas. Em especial no e-commerce, essa ferramenta é ainda mais indispensável, já que proporciona facilidade e velocidade no processo de compra, o que implica no aumento da taxa de conversão.

Adotar um único método a ser utilizado de forma permanente não é eficaz diante das várias possibilidades que surgem frequentemente, que são amostras do futuro da tecnologia. Mas, é possível se antecipar e buscar a melhoria dos sistemas já implantados, atendendo aos desejos dos clientes e atraindo novos. A inteligência artificial permite experiências diferenciadas de compra, que podem agregar valor e empatia pela marca da empresa e as realidades em 3D e aumentada, principalmente se aliadas a uma internet rápida, têm tudo para alavancar as vendas no varejo. As lojas físicas também poderão se beneficiar de sistemas como esses, justamente porque hoje em dia a presença digital é necessária para qualquer tipo de negócio. Pensando ainda no uso da internet, um sistema que permite adicionar as peças a um carrinho virtual, que some o valor a ser cobrado, pode otimizar a finalização da compra dentro do estabelecimento físico, por exemplo, e é uma das possibilidades do futuro da tecnologia.

Essa é outra questão importante, a velocidade. Para um e-commerce, a dificuldade de acesso à plataforma pode afastar, definitivamente, o cliente. É preciso que tudo seja muito rápido, pois a praticidade é uma das maiores demandas da atualidade. Isso significa que é preciso investir em infraestrutura, permitindo carregar fotos e vídeos em alta resolução, além de um site fácil, prático e com ferramentas que permitam interação, de modo a oferecer qualidade e simplicidade ao cliente.

Para a Go Biz , agência de marketing digital , esse cenário reforça a importância de os empresários do varejo dispensarem atenção ao futuro da tecnologia, que interfere de forma positiva em qualquer segmento de atuação. “Deixar de lado a preocupação com a modernização dos processos, certamente irá enfraquecer as vendas e o progresso da loja, uma vez que se adequar à realidade já não é mais uma questão de escolha, e sim, de necessidade”, afirma.
Website: https://www.gobiz.com.br/